Ownada pelo próprio Facebook

As redes sociais vieram para modificar totalmente o comportamento das pessoas. A vida online transformou a sociedade por completo. O principal sintoma dessa modificação foi a perda quase que total da privacidade. As pessoas se jogam completamente em redes sociais como se estivesse indo à praia e esquecem das consequências dessas ações.

Eis um caso interessante: uma garota resolveu desabafar em seu perfil do Facebook a respeito do seu emprego. Disse ela:

pervywanker

Traduzindo, dá mais o menos isso aqui:

‘Oh meu Deus, eu odeio o meu trabalho! Meu chefe é um punheteiro pervertido sempre me colocando pra fazer um monte de merda só pra me encher o saco! Punheteiro!’

Ela só esqueceu de um detalhe… Ela havia adicionado o chefe dela no Facebook, ou seja, após escrever isso o patrão obviamente leu e não gostou nem um pouco. E respondeu com elegância:

‘Oi … Acho que você esqueceu que me adicionou aqui? Em primeiro lugar, não se gabe. Segundo, você trabalhou aqui por 5 meses e não sacou que eu sou gay? Eu sei que eu não desfilo pelo escritório como uma rainha, mas não é exatamente um segredo. Terceiro, aquilo que você chamou de merda é o seu TRABALHO, sabe, o que eu PAGO a você para fazer. Mas o fato de você aparentemente ser capaz de ferrar até com a mais simples das atividades deve contribuir para a forma como você se sente. Por último, você parece também ter esquecido que ainda restam duas semanas dos seus seis meses de experiência. Não se incomode em vir amanhã. Eu envio a sua rescisão pelo correio e você pode vir quando quiser pra pegar o que tiver esquecido por aqui. E sim, eu estou falando sério.’

Epic owned. Ótimo exemplo de como o mau uso das redes sociais pode ferrar com a vida de alguém.

Veja também

<>

Comentários

Topo