Microsoft anuncia o fim do Auto-run

Calma, gente. Eu disse Auto-Run, e não Outrun. Já no Release Candidate do Windows 7, disponível para o público a partir do dia 5 de maio, a Microsoft informou através do seu blog oficial de segurança, a remoção do serviço de autorun que vinha em seus sistemas operacionais desde a época da popularização dos cd-roms.

Esse serviço, que permite que a mídia interaja com o sistema assim que é inserida, tornou possível a propagação de pragas digitais via mídias físicas no momento em que os pendrives foram popularizados. Se antes os vírus se propagavam através de disquetes, com o desuso dessa mídia a disseminação por discos externos se enfraqueceu, porém voltando com força total com os discos removíveis.

A Microsoft avisou ainda que o vírus Conficker foi o responsável por essa postura e que para o Windows XP e Vista, uma atualização de segurança será disponibilizada com o objetivo de desabilitar o autorun nesses sistemas.

A única mídia que virá com o autorun ativado é o cd/dvd-rom, visto que os vírus não a utilizam por não conseguirem escrever nessa mídia.

Veja também

<>

Comentários

Topo