Jamais comemore antes do tempo. Sério.

Eu costumava pescar bastante quando era pequeno, em parte motivado pelo fato de que morei uns anos no interior de Pernambuco e lá não tinha muita diversão como em capitais. Além do mais eu era guri, tinha 11 pra 12 anos quando me viciei em pescaria. Uma vez pesquei um peixe tão grande que só o .JPG da foto dele tinha 20mb (sério! Tá, é mentira). Mas uma coisa que aprendi nessas minhas pescarias de beira de rio com varinha de bambu é que você nunca deve dizer “peguei um!” até que o danado do peixe esteja em suas mãos ou dentro do barco. Ao puxar o peixe, se você gritar “peguei” as chances dele soltar-se do anzol e voltar pra dentro d’água aumentam pra caralho, e todo mundo sabe que pra caralho tende ao infinito. Mas por que tanta história e filosofia de pescador? O que isso nos ensina? Uma coisa bem simples: nunca comemore antes do tempo.

Via: Sedentário

Veja também

Chupa, NBA!

A Croácia sempre foi uma potência no basquete, fornecendo grandes […]

<>

Comentários

Topo