Isso sim é amor ao Guitar Hero

Eu adoro Guitar Hero e Rock Band. Acho o jogo sensacional, em termos de interatividade. Não me sinto um astro do rock, não acho que vou fazer sucesso com a música nem tenho vontade de virar Emo por causa disso.

Com esse jogo o radicalismo não funciona. Nem podemos dizer que é uma experiência única que vai nos fazer sentir como um guitarrista de uma banda famosa, nem podemos dizer que quem joga é um guitarrista frusttrado que não tem a capacidade de aprender a tocar o instrumento real.

Há MUITAS pessoas que não tem o menor interesse em tocar guitarra de verdade e que curtem o game por pura diversão, pra jogar e ouvir música boa. Com certeza se houvesse um PagodeHero ou um AxéHero ninguém ia querer tocar o pandeiro ou o atabaque de plástico. E eu não ia me sentir um pagodeiro ou axézeiro frustrado.

Dito isso, tá aí uma forma hiper-geek de mostrar o seu amor ao jogo. Olha só o que essa menina tatuou:

guitar-hero-controller-tattoo

Simples e direto ao ponto. Poderia passar despercebida apenas como uma tatuagem legal, caso o jogo não existisse. Sem frescuras, sem exageros, deu o recado.

É mais uma vez a prova de que em certos casos, menos sempre será mais.

Via: WalYou

Veja também

<>

Comentários

Topo