Fim dos comentários em blogs e RTs no Twitter?

Muitos blogueiros tem se questionado a respeito da diminuição do número de comentários nos posts de seus blogs. Os comentários, muito mais do que para alimentar o ego de quem escreve, servem para mostrar o nível de interesse do leitor no que está escrito, para gerar debate, gerar tráfego no blog e traçar um perfil de quem acessa determinado site. De acordo com o perfil do blog e do assunto abordado, a tendência de ter mais ou menos comentários varia.

No caso do Twitter, o comentário é transformado no “RT”. O RT nada mais é do que um ‘endosso’. A pessoa que repassa um tweet seu para a timeline dela está dizendo aos seus seguidores que concorda com aquilo integralmente, concorda parcialmente ou discorda, quando faz comentários no RT. Mas o que tudo isso tem a ver com comentários a menos e poucos RTs?

Em primeiro lugar, muitos dos comentários que seriam feitos no blog são feitos no Twitter, através dou RT ou de um Reply diretamente para o escritor, pois é comum donos de blogs socializarem seus posts no Twitter de forma automática. Sendo assim quem comenta no Twitter tende a não comentar também no blog, muito em parte pela agilidade trazida pelo Twitter .

Em segundo lugar, estão as promoções. As promoções do tipo “De RT, siga e concorra a…” normalmente poluem demais a timeline e faz com que os usuários percam a paciência e economizem nos RTs, trazendo um efeito em cascata. O grande número de perfis fakes criando promoções imaginárias contribui para esse processo.

Mas o motivo mais importante ao meu ver, é o fato de que quando entramos no Twitter, chegamos sondando o território, aprendendo como é que a coisa funciona, e twittamos aos poucos. Depois que pegamos confiança, nos tornamos nós mesmos Hubs. Conectando pessoas diferentes e repassando conteúdo. Cada um passa a ter a sua dose de relevância, independente do número de seguidores.

Essa ‘liberdade’ que cada um tem de ser um criador/reprodutor de conteúdo contribui para que o número de comentários em blogs caia e também caia o número de RTs. Ao invés de dar RT nos outros, o novo twitteiro quer ele mesmo receber RTs. Tudo isso, aliado as outras plataformas, como Pousterous e Tumblr faz com que o número de comentários como um todo não tenha diminuído, eles apenas estão mais diluídos na grande rede.

Cabe a cada um produzir bom conteúdo, embasar bem suas opiniões e aguardar. Sua voz será amplificada naturalmente dentro do universo da Internet.

Veja também

<>

Comentários

Topo