Entenda porque dar unfollow é como terminar um namoro.

Cada um tem seus motivos pra terminar uma amizade ou um namoro. Julgar os motivos pelos quais alguém deu fim a uma relação qualquer, seja ela comercial, pessoal, afetiva, etc. é perda de tempo. A Internet, ao mesmo tempo que aproxima as pessoas, torna as relações mais superficiais. No Twitter então nem se fala. Um simples unfollow pode gerar um perrengue enorme. E aí entra o block. Se o unfollow é o fim do relacionamento, o block é a medida cautelar. Entendam  porque um simples unfollow é como terminar um relacionamento:

1) Quem leva o unfollow fica triste, doído e decepcionado;

2) Normalmente é seguido de um mimimi épico na timeline, fazendo um barraco para que todos saibam;

3) Em seguida vem uma chuva de mentions, com ironias e perguntas do tipo “o que eu fiz pra merecer isso?”;

4) Amigos de ambas as partes acabam se envolvendo, tentando apaziguar a situação e fazer com que tudo volte a ser como antes;

5) Quem levou o unfollow aceita tão mal e arma tanto barraco que é necessário tomar uma medida cautelar e dar block na pessoa;

6) O block é sucedido por gritos desesperados por atenção, ameaças de agressão física, perseguição on-line, etc;

7) O unfollowado nunca fez nada e tem memória seletiva. Jamais houve um motivo justo para que o unfollow fosse dado, e quem deu é injusto, metido, arrogante, etc;

8) Após tudo isso, a pessoa ainda solta frases de efeito como “meus seguidores agora estão muito mais bem selecionados” ou “Não faço a menor questão que fulano me siga, foi até melhor, eu já estava pensando em dar unfollow faz tempo”;

9) Essa pessoa repetirá chavões como “fulano só fala merda, nem sei pra que o seguia”, mas continuará lendo absolutamente tudo o que você escreve, e assistindo tudo o que você grava, em todas as redes sociais existentes e até nas que não existem ainda;

O que me leva a concluir que se um simples relacionamento de follow/unfollow no Twitter vira uma Caixa de Pandora, as pessoas levam vidas muito superficiais e carecem demais de atenção, o que é uma pena. Quem age assim está vendo a vida passar, perdida num mundinho on-line que irá ruir assim que sua Internet cair.

Veja também

<>

Comentários

Topo