Diversos

Sirva a comida e quebre recordes

Para quem gosta de games, isso aqui é o verdadeiro estado da arte em servir comida. Simplesmente pratos de jantar em formato de peças de Tetris.

Eu realmente preciso rever a minha lista de casamento, acho que minha noiva não vai gostar nada nada da nova lista!

tetris-dinnerware-plates-1

Aqui uma visão mais interessante do design:

tetris-dinnerware-plates-6

Sensacional!

Mais fotos aqui.

Acessórios para um Nerd moderno e sozinho

Se você é um Nerd sozinho (hey, até pouco tempo atrás isso seria redundante) mas altamente cool e desenrolado nos afazeres domésticos, esses dois acessórios são perfeitos para você.

Que tal convidar sua namorada Nerd para um jantarzinho (devidamente ordered by phone) e além disso ter o seu laptop logo ao lado para assistir um seriado ou mesmo jogar CS com ela?

Essa mesa super cool aqui é ideal para isso:

E se sua namoradinha não Nerd não souber a relação quase pornográfica que você tem com o seu Notebook e quiser colocar as patinhas nele logo após comer uma coxinha ou aquela caixa de asinhas de frango, esse acessório aqui foi feito para ela:

Use esse incrível guardanapo para laptop e ele nunca mais ficará parecendo um pastel de feira.

Via: Yanko Design

Lavar os pratos nunca foi tão ecologicamente correto

Existe um código secreto não revelado pelos homens no que diz respeito a lavar pratos. Homens não gostam de lavar pratos (ok, esse não é o código, calma), na verdade, se dependesse de nós sempre utilizaríamos descartáveis seja na cozinha ou em qualquer outra área onde demanda trabalho braçal para deixar algo limpo.

A coisa mais ou menos funciona assim:

– Se a vida ainda não brotou na prática dentro da pia, não é hora de lavar os pratos;
– Se estou tomando refrigerante em xícaras de café, o sinal de alerta deve ser ligado;
– Se eu começo a mexer o leite com Nescau com garfo por falta de colher… Aí sim. Hora de lavar uma colher. Isso se não houver alguma que não esteja tão suja e permita uma limpada rápida na toalha da mesa ou mesmo uma lambida simples para deixá-la como nova;
– Quando não houver mais NADA limpo na cozinha, nem facas para mexer o leite nem potes de patê para beber água, só nos resta contratar alguém para lavar a maldita louça, que nesse momento é o segundo pico mais alto do mundo, perdendo apenas para o Everest.

Tá, mas onde entra a onda verde e a tecnologia nessa história aí? Bem, aqui não entra nada, mas essa idéia aqui é muito legal. Um escorredor de pratos com 3 recipientes de onde saem plantas que além de fazer fotossíntese, deixam o ambiente árido da cozinha mais agradável para realizar a nefasta tarefa de lavar a louça. E o mais legal, elas são regadas com a água que eescorre dos pratos lavados. Muito bem pensado! Isso é o que eu chamo de usar a tecnologia, design e vontade de ajudar o meio ambiente de uma forma legal, sem ecochatismo. Vejam as fotos:

trio_1trio_2

Sensacional, não é mesmo? Só vejo um problema. Em casas como a minha, onde levo mais de 1 mês pra criar coragem e lavar os pratos, as pobrezinhas iriam morrer de sede :-(

Mais fotos aqui.

Wallpaper – The Big Bang Theory

Conforme comprovado até mesmo em uma enquete realizada aqui, o perfil super nerd dos nossos leitores é algo do que nos orgulhamos muito.

Sabendo disso, é natural supor que essa turma seja fã de carteirinha do seriado The Big Bang Theory. Eu, como pode ser comprovado pelo meu avatar (e pelos avatares dos outros colaboradores) sou completamente viciado nessa turma de inteligência acima da média e completa inaptidão social.

Então deixo para vocês de presente dois papéis de parede muito legais. Para outros também muito legais é só ir no The Big Bang Theory Fans.

the-big-bang-theory-flashessheldon1

Obs.: resolução de 1024×768

Vídeo histórico – O Eniac

Muito interessante esse vídeo que fala um pouco de como começou a história da informática, com a concepção do Eniac. Para quem não sabe, o Eniac foi o primeiro “computador moderno”. Porém, seu poder de processamento era proporcional a uma calculadora comum moderna.

Parece pouco, mas para uma máquina de 30 toneladas e 1800 válvulas criada em 1946, chegava a ser espantoso para a época. É uma pena que o vídeo esteja incompleto mas ainda assim vejam que legal:

Esse outro vídeo apesar de meio escandaloso também mostra um pouco a evolução da computação e do processamento de dados:

Ambiente de trabalho: como justificar um PC melhor

Talvez a maior reclamação dos usuários que trabalham em empresas onde a utilização de um desktop ou notebook se faz necessária (praticamente todas) para executar bem as tarefas demandadas seja a respeito da qualidade do equipamento usado.

Uma coisa difícil de mensurar e mais difícil ainda de explicar aos usuários é o “Custo Usuário”. Colocar um usuário (im)produtivo sentado confortavelmente numa mesa trabalhando é caro pra caramba. Mais ainda no Brasil com a pesada carga tributária.

Sem considerar sequer a infraestrutura predial, como sala, ar condicionado, mesa, cadeira, etc. o custo usuário pode ser calculado a grosso modo englobando apenas hardware e sistemas necessários ao trabalho do dia a dia da seguinte forma:

– Desktop ou Notebook: R$1.500,00
– Licença do Windows: R$500,00
– Licença do Microsoft Office: R$1.000,00

Total: R$3.000,00

Ou seja, só pra deixar tudo prontinho pro usuário passar o dia no MSN jogando paciência, gasta-se R$3.000,00. Agora multipliquem isso pela quantidade de funcionários da empresa. Já sentiram o tamanho da conta? Claro que muitos vão alegar que poderia ser utilizado Linux e BROffice. Mas quem tem experiência na área sabe que pouquíssimas empresas se arriscam a depender de Linux nas estações de trabalho e existem muitas tarefas avançadas realizadas pelo Microsoft Office (principalmente no Excel) que o BROffice simplesmente não consegue executar.

Além de tudo isso, estamos excluindo licenças de outros sistemas como ERPs, Licenças de acesso ao domínio, correio eletrônico, impressoras, papel, tinta/tonner, etc.

Por isso muitos usuários às vezes não conseguem entender porque alguns empresários se recusam a adquirir um computador melhor ou fazer upgrades na infraestrutura. Não é por não quererem, é simplesmente por ser caríssimo. É claro que se fosse possível todas as empresas teriam a melhor infraestrutura possível para que os funcionários trabalhassem no ambiente ideal para produzir ao máximo. Mas a realidade do Brasil é diferente dessa.

Sabendo que o lado do usuário também deve ser observado, pois já vi diversos casos onde este sequer conseguia executar atividades básicas como ler o e-mail, dada a péssima qualidade da máquina que utilizava, vou citar algumas dicas que podem convencer o seu chefe a lhe agraciar com um upgrade no trabalho:

– Seja produtivo: dificilmente um computador novo ou um notebook será fornecido a um funcionário descansado. A não ser que você seja filho/comida/peixe do chefe, você terá que se contentar com lixo digital. E será cobrado da mesma forma pelo seu trabalho. E não adianta confundir produtividade com aceitar prazos inexequíveis ou prometer o que não pode cumprir. É importante ter bom senso nesse momento;

– Seja fundamental: talvez o principal argumento para necessitar de um equipamento bom no trabalho é realizar uma atividade chave. Já pensou o cara da folha de pagamento com um computador ruim? Ia atrasar o salário de todo mundo. É óbvio que por conta disso não é pra todo mundo mudar de área e ir trabalhar no DP. Você pode se transformar num funcionário chave no seu próprio setor;

– Tenha uma necessidade real: não tem coisa que irrita mais o pessoal da TI do que usuário que adora um equipamento novo. Muitas vezes o hardware é o mesmo, às vezes até  inferior ao que ele tem atualmente, mas como é novinho a ganância fala mais alto. Se você recebeu um equipamento faz pouco tempo (3 meses ou menos) e já está querendo outro, você será visto como chato pela TI e como egoísta pelos colegas, além de em certos casos pagará mico por querer uma máquina pior do que a atual;

Viram como é fácil? :-)

Se for pra tomar choque, que seja com estilo

A dominação Nerd é óbvia. As tendências nerds no mundo são cada vez mais evidentes e isso pode ser observado em todos os setores da economia.

Na construção civil não poderia ser diferente.

Um acessório de decoração muitas vezes desprezado, as tampas (face plates) de tomada agora estão mais nerds do que nunca. Que tal plugar seu gadget favorito na tomada, melhor ainda, numa tomada 3D?

Porque profundidade é tudo!

Via: Geeksugar

Pendrive serra elétrica: armazena e mata!

Resident Evil possui os ingredientes necessários para transformar-se em uma franquia de sucesso: tiroteio, zumbis e uma gostosa.

O jogo recentemente recebeu mais uma continuação e quando foi lançado na Asia, os fãs da saga tiveram a grata surpresa do lançamento de um gadget sensacional.

Uma mini serra elétrica USB para armazenar os dados das suas vítimas.

pendriveserraeletricaPra quê só armazenar, se também podemos fatiar?

Clipe hiper nerd e Stop Motion

Como percebi que publicamos poucos vídeos e imagens por aqui, pra deixar o blog mais dinâmico vou procurar sempre encontrar material que seja voltado aos nossos leitores, mas não me prendendo somente em tecnologia e universo nerd.

Qualquer coisa legal que tiver algo a ver com esses assuntos e eu achar que agradará meus fiéis seguidores será publicado por aqui.

Agradeço e MUITO a quantidade de visitas e links que tenho recebido, além das retwittadas e e-mails que circulam por aí com material autoral que publico por aqui. Esse é o combustível necessário para seguir em frente fazendo esse humilde blog ainda melhor e mais engraçado.

No clima de feriadão, vou fazer esse post musical publicando merecidamente um clipe chamado Happy Up Here, da banda Royksopp. Já imaginaram como seria jogar Space Invaders na vida real? Se não imaginaram, agora vocês já sabem como é. Sensacional o clipe:

O outro clipe além de ser uma música que eu curto bastante, do israelense Oren Lavie, o conceito utilizado na produção do clipe, o Stop Motion, é uma coisa que eu admiro bastante e acho que o resultado além de espetacular merece ser divulgado, pois deve ter dado um trabalho dos infernos produzir isso. E a música é uma baladinha muito gostosa de ouvir. Marmanjos, mandem esse clipe pras suas respectivas e ganhem alguns pontinhos com elas:

Tomar decisões é sempre difícil – O que Obama faria?

E se você tivesse que tomar decisões importantes, como por exemplo começar ou não a Terceira Guerra Mundial? Ou para qual restaurante você levaria sua namorada no aniversário de 1 mês de namoro?

Difícil saber o que decidir. Mas, e se você soubesse o que Barack Obama faria em tais situações? Bem mais tranquilo né?

what-would-obama-do-decision-maker

Do tamanho de um cartão de crédito, o brinquedinho vai ajudá-lo a sair das maiores confusões e enrascadas que você se meter.

Ficar com aquela baranga? Yes we can!

Emprestar dinheiro? Ask again!

E o melhor de tudo é que tá vendendo na Amazon!

Topo