Agora o vovô pode passear tranquilo

Quem já teve algum parente (normalmente avôs) sofrendo de Alzheimer sabe como isso é traumatizante. É um processo sofrido e que desgasta muito a família e todos os envolvidos.

Ainda não há cura para a doença, mas como em muitas outras áreas diversos avanços são alcançados pela medicina de maneira que possa ocorrer um retardo nos efeitos da doença, dando mais tranquilidade e qualidade de vida para o paciente.

manwithcaneA tecnologia está presente nas pesquisas, nos tratamentos e a novidade agora é o desenvolvimento de um tênis com GPS, para que portadores de Alzheimer, o que me faz perguntar “Como é que ninguém pensou nisso antes?”

Com um calçado como esse, um simples passeio na esquina deixa de ser um perigo para quem sofre com o mal, pois caso a pessoa se perca e não lembre quem é, ou onde mora, basta localizá-lo com o GPS que está embutido no tênis.

O tênis consegue rastrear o paciente com uma margem de erro de 9 metros e pode-se configurá-lo para que um alerta seja disparado caso o usuário do tênis ultrapasse uma distância limite de certa área.

Além disso, o tênis não precisa ser usado apenas por portadores de Alzheimer, mas os pais podem utilizá-los com crianças também, principalmente em locais com grande concentração de público como parques de diversões ou jogos de futebol.

Fonte: Physorg

Veja também

<>

Comentários

Topo